Vaga para Assessor de Negócios (m/f)

Vaga para Assessor de Negócios (m/f)

TechnoServe

A TechnoServe está a recrutar um Assessor de Negócios (m/f) para Nampula, em Moçambique.
Descrição
  • A TechnoServe tem prestado assistência técnica às indústrias moçambicanas, agronegócios e empresários com elevado potencial de crescimento há mais de 20 anos, desde que o nosso escritório abriu pela primeira vez em 1998. Temos ajudado a criar um sector agrário comercial competitivo e sustentável, que tem gerado oportunidades para pequenos produtores e fornecedores rurais, para além de novas oportunidades de emprego para os pobres rurais. Embora tenhamos trabalhado em várias cadeias de valor em Moçambique, a TechnoServe é particularmente conhecida por criar um impacto duradouro no sector do cajú. A TechnoServe trabalhou inicialmente para criar um sector de transformação do caju no norte de Moçambique, e mais tarde também ajudou os agricultores a terem acesso à melhores factores de produção, boas práticas agrícolas e mercados mais competitivos. A TechnoServe recebeu um financiamento da Cooperação Alemã para o Desenvolvimento Económico Sustentável (GIZ) para implementar um programa de trabalho em estreita colaboração com o Instituto de Amêndoas de Moçambique (IAM) para fazer a transição do sector de cajú para que seja mais sustentável, com uma visão empresarial sobre o fornecimento dos insumos químicos necessários para os produtores
  • Espera-se que o programa abranja duas fases, com a Fase I (com duração de 12 meses) focalizada no desenvolvimento conjunto de uma estratégia adequada de retirada de subsídios com as parceiros relevantes, e a Fase II sendo a fase subsequente de implementação da estratégia (provavelmente mais de 2 anos). A Fase I será composta por três Componentes: 1) Confirmação da vontade política e o envolvimento das partes interessadas/parceiros; 2) Concepção da estratégia de retirada de subsídios; e 3) Concepção do plano de implementação da estratégia (provavelmente sob forma de um sistema de vouchers)
  • Âmbito do trabalho: Ele/ela coordenará as actividades a nível de campo, envolver-se-á com parceiros dos sectores público e privado (agentes de extensão, comerciantes de agro-indústria, pulverizadores), bem como com produtores de castanha de cajú. Em particular, o Assessor de Negócios supervisionará a implementação da fase piloto da estratégia, identificando e respondendo aos potenciais desafios da implementação, envolvendo-se com os parceiros caso seja necessário, e preparará e ministrará os treinamentos dos formadores. Esta posição estará baseada em Nampula
Funções
  • Esta pessoa trabalhará sob a supervisão do Gestor de Projecto para apoiar a coordenação das actividades a nível de campo através de check-ins regulares com os intervenientes do sector do cajú, parceiros do sector público e privado (agentes de extensão, comerciantes de agro-indústria, pulverizadores), bem como produtores de castanha de caju. Ele/ela irá especificamente:
  • Interagir com os produtores de castanha de cajú para compreender os seus interesses e os constrangimentos actuais que eles enfrentam (através de discussões em grupo e entrevistas)
  • Interagir com o sector privado para compreender o seu interesse em disponibilizar os insumos (agroquímicos) em todo o país
  • Apoiar o mapeamento do actual esquema de subsídios ao sector do cajú, organizando reuniões com intervenientes e do sector e parceiros relevantes realizando entrevistas e discussões em grupo
  • Apoio na coordenação e implementação das actividades de campo relacionadas com fase piloto do projecto de retirada de subsídios ao sector do cajú
  • Preparar/rever materiais de formação e realizer o treinamento dos formadores (ToT) para os vários intervenientes do sector do cajú (prodtuores, fornecedores de serviços de pulverização, comerciantes de insumos e agentes de extensão)
  • Assegurar que os objectivos do projecto são seguidos e cumpridos dentro dos prazos estabelecidos
Requisitos
  • Licenciatura em Administração de Empresas/Gestão Empresarial, Ciências Agrárias, ou outra área relevante, mais de 3-5 anos de experiência profissional num campo relevante, incluindo facilitação do diálogo com as partes interessadas, desenvolvimento de cadeias de valor, financiamento e serviços de consultoria empresarial e/ou empreendedorismo. A experiência relevante desejada também inclui:
  • Concepção e implementação de parcerias de impacto público-privadas
  • Desenvolver estratégias e abordagens bem sucedidas do sector público, especialmente no sector agrário
  • Experiência anterior em cadeia de valor de cajú ou outras amêndoas
  • Experiência de trabalho com pequenos produtores e empresas agro-industriais
  • Conhecimento de Moçambique, em particular as províncias da Zambézia e Nampula
  • Conhecimento das línguas locais (Macua, Lomue, Chuabo)
Notas
  • Os candidatos qualificados e interessados devem submeter uma carta de apresentação, e currículo  Só serão considerados ou contactados os candidatos que reúnam as qualificações mínimas
Postagem Anterior Próxima Postagem